Seja bem-vindo a AULAS100, o espaço que ensina informação e conhecimento, com artigos e curiosidades, todos relacionados a temas educativos e de saúde que transformam os leitores em curiosos, competentes e formadores de opinião.

23 de dez de 2010

A matemática no sexo

matemática,sexo

As pesquisas avançam desproporcionalmente e, com a potência dos meios de divulgação, a notícia é espalhada bem mais velozmente: usamos e-mail, enviamos torpedo por celular ou por outros modernos recursos. É tanta tecnologia e facilidade, embora grande parte das pessoas não se informa totalmente por várias razões.

O sexo, sem dúvida, é um dos assuntos mais debatidos em qualquer meio de comunicação, isso porque muitas pessoas, não importa a faixa etária, desconhecem quase completamente os mecanismos que levam à gravidez, ao orgasmo, à ejaculação e ao ciclo menstrual.

É assustador o depoimento de muitos (homem e mulher) que não sabem como se dá a gravidez e ainda se acham especialistas em sexo, que as famosas "rapidinhas", por exemplo, não engravidam logo de primeira.

A falta de informação, no mundo do sexo, é a causa de gravidez indesejada e do alastramento de DST (doenças sexualmente transmissíveis).

Até a matemática entrou nesse mundo de prazer e tenta explicar por números esse universo tão esquecido teoricamente, mas tão empolgante na hora H.

Os homens produzem esperma ilimitadamente; e as mulheres têm uma quantidade de óvulos determinada. Ou seja, a mulher nasce com um pacote de óvulos já prontos. Apenas 400 são efetivamente largados durante toda a vida da mulher, e a sua qualidade deteriora-se com o tempo.

A duração média da fertilidade do óvulo é entre 24 e 48 horas. Já a vida do sêmen (o esperma do homem que contém espermatozóides) é de 48 horas dentro do corpo da mulher, ou seja, quando são ejaculados os espermatozóides no interior da vagina, eles permanecem vivos no útero cerca de 48 horas, entendeu?

Quer mais números? O esperma é projetado para fora do pênis a 45km por hora e, quando entra na vagina, demora 5 minutos para atravessar 15cm de canal.

2 comentários:

Familia Arteira disse...

Para variar mais um comentário show de bola, você como sempre pratico e direto, se utilizarmos a quantidade de tecnologia para informação e não somente para "diversão" não haveria tantos jovens tendo filho cada vez mais cedo e a proliferação de doenças.
Esse tipo de informação deveria ser sempre passada nos meios de comunicação.
Mil vezes PARABÉNS.

28 dezembro, 2010
FRASES QUE CURAM disse...

Amigo, Marcos Vinícius, a sua interpretação da frase lá no meu Blog, foi perfeita. Parabéns mesmo.
Abraços,
JUAHREZ ALVES.`.

02 janeiro, 2011

Postar um comentário

- Valeu pela visita de vocês e fiquem à vontade para ler e comentar.
- Dêem uma olhada também nas postagens antigas, tem muita coisa bacana para ler e aumentar o conhecimento.
- O mesmo vale para quem chega até aqui através das buscas. Voltem sempre.

.... ...