Seja bem-vindo a AULAS100, o espaço que ensina informação e conhecimento, com artigos e curiosidades, todos relacionados a temas educativos e de saúde que transformam os leitores em curiosos, competentes e formadores de opinião.

6 de mai de 2009

SOLETRANDO É 10

O sucesso do quadro apresentado no programa Caldeirão do Huck é incontestável.
A brincadeira virou "febre" em muitas escolas do Brasil e, segundo o professor, de fonte segura, até entre advogados, executivos, jornalistas... Escrever de acordo com o nosso sistema ortográfico vigente não faz mal a ninguém.

A língua portuguesa agradece o carinho. A preocupação com o bom uso do nosso idioma sempre merece aplausos, principalmente quando é feito com seriedade.

Soletração não é retrocesso nem incentivo à "decoreba". Criticar uma brincadeira como essa é coisa de gente chata, de gente mal amada, de quem está de mal com a vida.

Segundo o professor, não podemos associar soletração com "decoreba". Ninguém passa horas a fio decorando que MESA se escreve com "s", que o verbo EXISTIR é com "x", que CHURRASCO é com "ch", que HOMEM tem "h". Ortografia se sabe por memória visual.

Você já passou a noite em claro por causa de dúvidas do tipo: "Por que será que HOJE tem "h" e ONTEM não tem?". Veja se você já perdeu seu tempo querendo saber se CACHORRO é com "x" ou "ch" ou se CASA é com "s" ou com "z"?

Nossas dúvidas só aparecem quando as palavras são desconhecidas, pouco usadas ou mal escritas. Palavras conhecidas não nos fazem perder tempo.
O que nos faz saber ortografia é a nossa memória visual, que é tão maior quanto mais lemos. O que aprimora a nossa memória visual é o bom hábito de leitura.

Por outro lado, de acordo com Sergio Nogueira, a "decoreba" não faz tão mal assim. Ninguém morre por ter de decorar alguma coisa. A crítica que todos nós fizemos ao velho sistema de ensino é quando tudo se resumia à pura "decoreba". O professor concorda com aqueles que afirmam que "decorar por decorar" não é ensino. É lógico que devemos incentivar o raciocínio e estimular a criatividade, que a capacidade de redigir e interpretar textos é muito mais importante do que "escrever certo".

O problema, como sempre, é o radicalismo.
Então, não esqueça que decorar não é pecado e que escrever corretamente não é "decoreba".

Escrever corretamente significa seguir as normas vigentes do nosso sistema ortográfico. Escrever certo significa respeitar as leis.

Por fim, não esqueçamos que Soletrando é um programa de entretenimento, é um jogo. A grande diferença é que estamos brincando com coisa útil.

0 comentários:

Postar um comentário

- Valeu pela visita de vocês e fiquem à vontade para ler e comentar.
- Dêem uma olhada também nas postagens antigas, tem muita coisa bacana para ler e aumentar o conhecimento.
- O mesmo vale para quem chega até aqui através das buscas. Voltem sempre.

.... ...